Quem sofre também tem que aprender a sorrir

Mesmo com toda tristeza do mundo, precisamos aprender a sorrir

A vida é complicada quase sempre. Bela também, mas essencialmente complicada. A grama do vizinho geralmente é mais verde, pois somos daltônicos perante os problemas alheios. Temos dificuldade em aceitar a nossa tristeza, por acreditarmos que não haja justiça em um sorrir tanto, enquanto nós, eternos carregadores da dor do mundo levamos toda a tristeza nas costas.

Todos temos uma certa dose de dor para carregar, precisamos aceitar isso. O vizinho, aquele sorridente e quase sempre feliz também sofre, mas talvez ele tenha aprendido um segredo importante: precisamos encontrar razão para viver. Mesmo com a dor que esmaga nosso sorriso, mesmo com a tristeza que destroça nossa energia, precisamos procurar nos manter de pé e encontrar em algo um motivo para ir além.

Quem está lhe dizendo isso não é o colecionador mór de felicidades e sim um homem tão miserável quanto você, mas que entendeu que sempre que a tristeza bate na porta – e ela sempre bate – precisa ter um amparo para não se desfazer em choro.

Ah! Se o mundo inteiro me pudesse ouvir
Tenho muito pra contar, dizer que aprendi
E na vida a gente tem que entender
Que um nasce pra sofrer enquanto o outro ri

Mas quem sofre sempre tem que procurar
Pelo menos vir achar razão para viver
Ver na vida algum motivo pra sonhar
Ter um sonho todo azul
Azul da cor do mar

  • Tim Maia – Azul da Cor do Mar

http://www.youtube.com/watch?v=mky-EIfrCbk

Advertisements

One thought on “Quem sofre também tem que aprender a sorrir

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s