Regra Entrevista | Kayan Pereira do Canal do Ka

O Canal do Ka foi lançado em abril e já conta com mais de 4 mil inscritos

A cada dia que passa mais e mais jovens são atraídos para o mundo do Youtube. Seja por fama, ou necessidade de se comunicar esses jovens alcançam resultados surpreendentes. No mês de abril nasceu em Curitiba mais um forte candidato a se tornar web celebridade. Original de Tupã-SP, o jovem de 19 anos, Kayan Pereira lançou o Canal do Ka e já no primeiro mês chegou perto da marca de cinco mil inscritos e vinte mil visualizações. Abaixo você vai conferir a entrevista na íntegra que tivemos com o youtuber.

Regra dos Terços – Kayan, o que te levou a criar um canal no Youtube?
Kayan Pereira – Desde novo sempre tentei fazer conteúdos para internet, sendo para blogs ou em vídeos mesmo, mas sentia que não era a minha hora então esses projetos que eu tinha foram se acabando, porém eu nunca desisti e esse ano surgiu uma oportunidade de eu estar criando meu canal, graças a um trabalho de TCC do curso que eu estava fazendo no Centro Europeu e isso me encorajou a começar, mas eu não ia conseguir sem a ajuda das minhas amigas Bruna Macedo e a Karla Ferracini que me deram grande apoio nesse início me dando confiança e assim surgiu o Canal do Ka.

RT – Quais são suas inspirações na internet?
KP – Eu tenho um gosto bem peculiar com comédia e ao longo dos anos sempre acompanhei sites como Não Intendo, Baratonta e Trollando; Gosto desses sites, por causa do tipo de humor que eles abordam, nisso descobri que dentro do Youtube, há canais que tem esse toque de “Absurdo” nos vídeos tais como Matheus Canella, Anderson Gaveta e Maicon Küster e com eles, eu tenho uma inspiração para produzir meus vídeos.

RTQual público você quer atingir?
KP – O meu público-alvo são aquelas pessoas que já viram todos os vídeos dos canais que elas são inscritas e que acabam ficando sem ter o que fazer, meus vídeos servem para tirar pessoas do tédio.

RTQual é o papel do humor no dia a dia das pessoas?
KP – Acredito que todos os dias somos bombardeados com notícias ruins e o humor é uma forma de trazermos pequenos momentos de alegria para nossas vidas, uma forma de ver o lado bom das coisas.

RT – Como acontece a escolha dos temas a serem abordados?
KP – Todos os temas são de coisas que já aconteceram comigo e que também podem acontecer com qualquer pessoa, quando estou tendo ideias (geralmente surgem quando estou no banheiro) anoto-as em um caderninho (que agora me acompanha nesses momentos) onde eu reviro meu passado e vou escrevendo pontos da história que transformam-se em tema do próximo vídeo.

RT – Quem é a sua equipe, o que cada um faz e como vocês se conheceram?
KP – Não gosto de dizer “equipe”, mas a Bruna que é minha amigona está sempre nos bastidores me ajudando a não perder o foco e não dizer coisas absurdas, por estar se lançando como blogueira ela tem muito conhecimento nessa área e o acabou me ajudando muito. Nós nos conhecemos no Centro Europeu e foi até engraçado, pois ela soube que sou fotógrafo e queria tirar fotos comigo e no dia que estávamos tirando as fotos, conversamos sobre o Youtube e do meu interesse de fazer videos e ela me disse que como fotógrafo também poderia ser um bom Youtuber e desde então, começamos a fazer toda a estratégia do canal.

RT – Mas quem diabos é a Juliana?
KP – A Juliana existe sim, mas não apenas como uma única pessoa, a Juliana são todas as meninas que já me deram um toco ou que acabaram me magoando de algum forma depois de passarmos por algo juntos. Ela surgiu no primeiro vídeo, na qual veio esse nome em minha mente e eu falei, ai surgiu o “Me responde Juliana!”.

RT – Onde você pretende chegar com o canal?
KP – Gosto de usar uma frase que é assim, “Ao infinito… e além!” – Buzz Lightyear, Toy Story.

RTCom menos de um mês de canal você já atingiu mais de quatro mil inscritos, qual é o segredo?
KP – Amigos.

RT – Esses números te assustaram?
KP – Demais, nossa, quando eu vi que meu canal foi de 760 inscritos para 1046, poxa comprei ate um bolinho para comemorar, liguei para os meus pais onde nem eles acreditaram.

RT – Como é o processo de produção dos vídeos? Tem roteiro?
KP – Eu gosto de usar uma formula que é “Quanto mais natural, melhor”, então apenas conto minha historia, logico, sempre tendo minha amiga Bruna Macedo, para eu ver se ela está rindo, ai eu penso “Se ela está rindo, então ta funcionando”.


Curtiu? Então se inscreva no Canal do Ka e acompanhe as aventuras desse jovem que promete ser um grande sucesso do Youtube brasileiro.

Não esqueça de acompanhar nossa coluna no site Busão Curitiba.

Advertisements

2 comments

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s