Deixa estar

A vida é tão singular. Ela é única, passageira. É preciso aproveitar cada momento como se fosse o último, porque vai que é mesmo, né? Às vezes fico pensando nessas coisas; digo, imaginar quando tudo vai acabar. Acabo me questionando se eu morreria feliz ou se eu fiz tudo o que já tive vontade em fazer. É claro que nem tudo está ao alcance, mas será mesmo que é tão impossível realizar os meus sonhos? Nem todos estão tão longe assim da minha realidade, por que não virar a página e tentar mudar um a um?

Já há algum tempo venho analisando como está o caminhar da minha vida. Confesso que nem tudo está como eu gostaria, mas tem muita coisa que eu já mudei. Lembro-me de dias que eu mal conseguia esboçar um sorriso, nada estava bom e tudo o que queria era permanecer em minha cama, longe de toda a civilização possível. Existem dias melhores que os outros sim, mas quando os piores tornam-se personagens principais no roteiro é porque algo não está certo e algum tipo de ajuda precisa surgir. Ainda bem que a minha surgiu – eu não sei como, só sei que foi assim.

De uns tempos pra cá, decidi mudar alguns hábitos. Eu sei que nem todos vou conseguir manter nessa nova linha, mas é melhor tentar antes do que simplesmente desistir. Eu já desisti de tanta coisa, não quero colocar mais esse desafio na listinha dos fracassos. Eu sempre fui tão forte, até mesmo nos momentos de fraqueza. Por que mudar agora, né? Continuo caminhando sem medo, o que tiver que acontecer simplesmente vai acontecer. Se parar para pensar no que pode dar errado, nada mais se faz. O tempo não para, e a gente não deve parar também.

A cada dia, pretendo melhorar. A cada dia, uma mudança diferente surge para que eu possa provar pra mim mesma de que sou capaz de tudo que tenho em mente. Resolvi parar com os pensamentos negativos, eles não me acrescentam em nada. Comecei a prestar mais atenção nas coisas boas que acontecem ao meu redor também, elas são tantas que até perco a contagem quando resolvo contabilizar. Presto atenção nos detalhes, eles podem dizer tanto sobre alguém. Aprendi a me dar mais chances, nunca se sabe quando o universo pode nos presentear com mais uma surpresa. E confesso que to curtindo cada momento desse meu novo eu. Espero que ele nunca vá embora, porque eu não to a fim de deixá-lo escapar.

Deixa estar.

Advertisements

3 comments

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s