Bolsonaro confessa que escolheu colocar a vida da população em risco

O presidente Jair Bolsonaro, durante a posse do General Eduardo Pazuello como ministro da Saúde, confessou que escolheu apostar, colocando a vida da população em risco. O mandatário apostou em um remédio sem eficácia comprovada, o que resultou em mais de 134 mil óbitos.

Bolsonaro é um genocida e seus apoiadores chancelam a chacina da saúde pública!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s