MORO SE MANIFESTA APÓS DECISÃO DO STF SOBRE SUA PARCIALIDADE EM JULGAMENTO DE LULA

Um dia após a votação da segunda turma do Supremo Tribunal Federal (STF) sobre o pedido de suspeição do ex-juiz da Lava-Jato, Sérgio Moro, e concluir que o magistrado foi parcial nas ações contra o ex-presidente Lula, Moro publicou uma nota no perfil do Twitter afirmando que agiu de acordo com a lei nos julgamentos e que está preocupado com o futuro do país após essa decisão.

O julgamento de suspeição de Sergio Moro começou em 2018, mas precisou ser interrompido após o ministro Gilmar Mendes ter pedido vista, ou seja, um tempo para analisar o processo. Após dois anos parado e depois de o ministro Fachin ter anulado todas as condenações de Lula na Lava Jato, por entender que Moro não era o juiz competente para julgar os casos envolvendo o ex-presidente, o pedido foi reinserido na pauta. 

Foto: Adriano Machado/Reuters

Nesta terça-feira (23), a segunda turma do STF anulou por três votos a dois todas as condenações de Lula. A ministra Cármen Lúcia, surpreende ao votar a favor das anulações. De acordo com o site Agência Brasil, a segunda turma, porém, votou por dar continuidade ao julgamento da suspeição, uma vez que a análise já havia se iniciado no colegiado.

Uma eventual declaração da suspeição de Moro pode ter efeitos mais amplos do que a decisão de Fachin sobre as condenações de Lula, invalidando diligências e interrogatórios, por exemplo, algo que havia sido preservado pelo ministro.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: