A MÁGICA DA PROGRAMAÇÃO

Quando eu tinha por volta dos meus quatro ou cinco anos de idade, eu via uma palavra em um livro e aquilo era um grande desafio: “C com A, CA”, “S com A, SA”, “ah! Casa!”. Era engrandecedor poder ler o mundo e eu fazia isso o tempo todo, quando passeava de automóvel com meus pais, lendo em voz alta cartazes, sinais, outdoors. Hoje a palavra “casa” não me é mais tão interessante, nem desafiadora. Assim será com programação, daqui dez anos, se você começar hoje.

O mundo tecnológico é todo construído com base em zero e uns, mesmo que você não veja. Esse mesmo aplicativo ou navegador que permite que você leia esse texto está codificando esses 8 bits “01000001” nesse “A”, para que você possa entende-lo. Por mais que para a maioria das pessoas não interesse muito como as plataformas são construídas, a importância relativa da programação será enorme daqui para frente, especialmente se você tem hoje em torno de 20 anos.

A ideia da linguagem de programação é transformar tudo em zero e uns para que um computador entenda, mas de uma forma muito mais próxima à linguagem humana. Assim como existem diversas línguas no mundo, em programação temos muitas: C++, Java, Basic, Python e muitas outras (existe até mesmo uma linguagem de programação utilizando apenas frases do Arnold Schwarzenegger em filmes!).

Quando falamos de econometria e Ciência de Dados, uma das linguagens mais utilizadas é o Python. Considerada uma das linguagens mais fáceis e versáteis do mundo (Youtube, Google, Instagram, Dropbox são só alguns exemplos de aplicações feitas em Python), essa linguagem é conhecida por sua simplicidade. Portanto, podemos usar linguagens de programação não só para construir programas, mas também para analisar dados. Cada dia mais vemos vagas para cientistas de dados que exigem conhecimento de Python e, dado o custo de aprender uma, Python pode ser uma boa forma de começar.

Além de todas essas vantagens, existe ainda a Comunidade Python, que fortalece o aprimoramento no uso da ferramenta. Por lá são compartilhadas soluções que usuários do mundo inteiro construíram. E por ser uma linguagem já estabelecida, existem muitos pacotes desenvolvidos feitos especialmente para análise de dados. Mesmo que eu esteja falando da minha área (economia), programação será o nosso novo abecedário, muito em breve. Seja qual linguagem você deseja utilizar, minha aposta é que a programação em poucos anos será item básico, como são os conhecimentos de matemática e estatística, se você quiser ser um profissional competitivo.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: