fbpx

Qual seu estágio como investidor?

Qual seu estágio como investidor?
Endividamento financeiro (Foto: Pixabay)

Olá querido leitor/querida leitora! Tudo bem com você? Ter em mente em qual estágio de sua vida financeira você se encontra, no que tange a dívidas e investimentos, com certeza vai te ajudar a traçar e atingir novas metas. Mais do que isso, pode até mesmo lhe influenciar positivamente em outras áreas de sua vida. É sobre isso que falaremos na coluna de hoje. Todas as minhas colunas anteriores podem ser acessadas nesse link aqui.

Veja abaixo qual dos perfis você mais se identifica:

  • Endividada: Aquela pessoa que nunca tem dinheiro sobrando: sair com os amigos para ir no barzinho? Melhor não. Além disso, tem parcelas atrasadas do cartão de crédito, prestação da casa e do carro, dentre outras dívidas, que tiram o sono à noite;
  • Zero a zero: não possui dívidas significativas, mas também não tem dinheiro sobrando. O salário serve apenas para pagar as contas, e nada mais. Não consegue fazer sobrar dinheiro no fim do mês – é o famoso “trabalho para pagar os boletos”;
  • Poupadora: consegue eventualmente juntar um dinheirinho para aplicar na caderneta de poupança ou outro investimento de baixo risco, mas só o bastante para ter alguma tranquilidade financeira momentânea ou mesmo para gastar em algo planejado no futuro próximo;
  • Investidora – o ponto aonde todos queremos chegar: tem pleno conhecimento de seus gastos e consegue aplicar mensalmente em investimentos de maior rentabilidade, a fim de construir um bom patrimônio no longo prazo.

Como já comentamos em colunas passadas, conhecer a si mesmo é um processo magnífico, que pode lhe auxiliar no crescimento como um bom investidor – e uma pessoa melhor para você mesmo e aqueles que estão à sua volta.

Até a próxima semana!

Henrique Costa

Henrique Costa é engenheiro eletricista formado pela UTFPR – Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Atua no setor industrial e de energias renováveis há cerca de 10 anos. Entusiasta do mundo dos investimentos, aprendeu desde cedo que poupar e investir é um dos melhores caminhos para se atingir os objetivos da vida. No Regra dos Terços é autor da coluna “Pra que investir?”

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: