FAMÍLIA DE JOAQUIM LEITE DISPUTA POSSE DE TERRA INDÍGENA EM SÃO PAULO

A família do novo ministro do Meio Ambiente, Joaquim Álvaro Pereira Leite, disputa há anos a posse de um pedaço da Terra Indígena Jaraguá, em São Paulo. A informação é da BBC Brasil. O novo ministro integra uma família tradicional de fazendeiros de café no estado.

Nesta sexta-feira (25), lideranças indígenas da comunidades Guarani fizeram um protesto contra a nomeação de Leite, em São Paulo. O ato faz parte do Levante Pela Terra, movimento iniciado com um acampamento de lideranças indígenas de todas as regiões do Brasil mantido na Esplanada dos Ministérios em Brasília desde o dia 8 de junho.

Ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite. Foto: Marcos Oliveira/Agência Senado

Segundo a reportagem da BBC Brasil, documentos da Fundação Nacional do Índio (Funai) mostram que capatazes a serviço da família do novo ministro do Meio Ambiente chegaram a destruir a casa de uma família indígena ao tentar expulsá-la do território reclamado.

A terra indígena em disputa fica nos municípios de São Paulo e Osasco, onde moram 534 indígenas dos povos Guarani Mbya e Ñandeva. O processo de demarcação do território começou nos anos 1980, mas não foi concluído e está paralisado na Justiça.

Em nota enviada à BBC Brasil sobre o caso, o Ministério do Meio Ambiente afirmou que “o processo de disputa de posse em questão é tratado no âmbito do espólio da família paterna do ministro Joaquim Leite, que nunca teve atuação direta ou indireta no assunto.”

Novo ministro do Meio Ambiente, Leite foi conselheiro da Sociedade Rural Brasileira (SRB) por 23 anos. O grupo apoia a Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), conhecida como bancada ruralista da Câmara dos Deputados, e também apoiava a gestão de Ricardo Salles no MMA.

Leite é formado em administração de empresas pela Universidade de Marília (Unimar) e tem um MBA pelo Instituto de Ensino e Pesquisa (Insper).

O novo ministro já faz parte do governo desde julho de 2019, quando assumiu o cargo de Diretor do Departamento de Florestas.  Em abril do ano passado, assumiu a Secretaria da Amazônia e Serviços Ambientais.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: