fbpx

“Eu vou beber teu sangue”, homem ameaça ex mulher e xinga de macaco atual marido dela. Ouça áudios

“Eu vou beber teu sangue”, homem ameaça ex mulher e xinga de macaco atual marido dela. Ouça áudios
Foto das agressões sofridas pela vítima (Foto: Reprodução)

Um vigilante, da região metropolitana de Curitiba, identificado como Osvaldo Santos de Pauli, foi denunciado após ameaçar a ex-mulher de morte e fazer ofensas racistas contra o atual marido dela. 

Com medo, a mulher registrou em áudio os telefonemas que recebeu na última quarta-feira (29). “Eu vou pegar você, eu vou pegar esse preto aí, eu vou arrancar o coro dele, esse macaco”, disse o homem em uma das ligações gravadas.

A vítima e o agressor tiveram um relacionamento que durou cerca de 10 meses, do tempo em que estiveram juntos, os dois têm uma filha, hoje com 1 ano. Porém, em novembro de 2020, depois de sofrer inúmeras agressões e nos primeiros meses de gestação, ela resolveu se separar e pedir uma medida protetiva contra o homem.

Conforme o relato da vítima, enquanto eles namoravam ele batia, xingava e a humilhava. E desde que ela se afastou do ex companheiro, ele tenta intimidá-la. Porém depois que ela assumiu um novo relacionamento, com um homem negro, o caso ficou ainda mais grave e as ameaças viraram constantes.

O estopim para que ela procurasse ajuda foi quando o vigilante ligou de um número privado, descumprindo a medida que ele tenha contato com ela, a ameaçando de morte. Na ligação, totalmente alterado e gritando palavras de baixo calão, ele diz que vai matar a ex-companheira e beber o sangue dela, além de xingar de “macaco” o novo companheiro dela.

“Eu vou matar vocês, eu vou matar você, eu vou matar o seu marido, eu vou matar vocês, eu dou a minha palavra de homem que eu vou matar. Estou querendo ir preso, por Deus, eu quero ir preso. Eu quero ir preso para voltar e te pegar. Eu vou pegar você, eu vou pegar esse preto aí, eu vou arrancar o coro dele, esse macaco. Macaco! Macaco! Filho da p…! Vai, seu preto, você nunca vai ter uma filha de olho azul! Seu preto! Preto! Macaco! Você nunca vai ter uma filha de olho azul! Eu vou beber seu sangue, sua cadela”, ameaçou o homem em uma das ligações gravadas.

A investigação sobre injúria racial e sobre as ameaças contra a vítima estão sendo investigadas.

Rafaela Moreira

Jornalista, repórter do Regra dos Terços e diretora de programas de televisão na TV Band e na Rede Super.

Deixe uma resposta

La Brea da vida real Macabras pedras da fome surgem na Europa 3 músicos independentes que você precisa conhecer O que você não sabe sobre povos indígenas ​9 curiosidades sobre seu gato
%d blogueiros gostam disto: