fbpx

Paraguaia é espancada, tem cabeça raspada e é obrigada a andar nua em SP

Paraguaia é espancada, tem cabeça raspada e é obrigada a andar nua em SP
Paraguaia é espancada no centro de São Paulo (Foto: reprodução)

Uma mulher paraguaia de 47 anos, foi espancada, teve o cabelo raspado, a palavra “ladra” escrita na testa e foi obrigada a andar com os seios a mostra no Brás, em São Paulo. A mulher foi acusada de furto na região. Ao G1, a vítima afirmou que também foi vítima de xenofobia: “volta para seu país” e “você não tem nenhum direito aqui no Brasil”, foram algumas das frases que ouviu dos agressores.

Em relato ao portal, a vítima afirmou que foi comprar roupas para revender e que, após sair da galeria Top Shop, entrou em um táxi e, na sequencia, foi abordada por dois seguranças armados, que a obrigaram a sair do carro e ir com eles até uma sala fechada. “Eu fui porque não tinha nada a esconder. Não tinha roubado nada”, afirmou à Folha de S. Paulo.

Ela afirma que eles a ameaçaram de morte, rasparam sua cabeça e a agrediram com um pedaço de madeira.

No vídeo que está circulando na internet, a mulher já aparece com a cabeça raspada e sofrendo agressões. “Tem que apanhar, tem que apanhar, sua vaca”, diz uma das agressoras. “Não quis entregar sua amiga que roubou o celular da minha amiga? Então vai apanhar”, diz a mulher que filma. Ela incentiva as pessoas a cortarem a roupa da mulher, que fica com os seios de fora.

Após escreverem “ladra” no rosto da vítima, as agressoras fotografam e afirmam que vão espalhar o cara dela por todo o Brás e se ela voltar a andar por lá, vai apanhar de novo. No vídeo é possível perceber que a mulher sai desorientada, enquanto segue ouvindo xingamentos.

Segundo declaração da defesa da vítima, o caso será registrado como xenofobia, cárcere privado, tortura e lesão corporal na Delegacia de Crimes Raciais e Delitos de Intolerância (Decradi).

Erick Mota

Jornalista com passagem em grandes veículos de comunicação, como RICTV Record e Congresso em Foco. Foi repórter de rede da Band, Bandnews TV e rádio BandNews FM, em Brasília. Fundador do Regra dos Terços, é host do Podcast Distraídos.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: