fbpx

COP26, Bolsonaro na Itália e PEC dos precatórios: veja a agenda da semana

COP26, Bolsonaro na Itália e PEC dos precatórios: veja a agenda da semana
Foto: Marcello Casal Jr / Agência Brasil

Novembro começa com debates fortes sobre as pautas ambientais, principalmente por causa da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas de 2021 (COP26), que acontece até o dia 12 de novembro em Glasgow, Escócia. O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não vai comparecer ao evento, mas está na Europa em agenda na Itália, onde participou de um encontro do G20.

No domingo (31), durante um ato pró-Bolsonaro em Roma, jornalistas que acompanham a agenda do presidente foram agredidos por seguranças da presidência e policiais italianos. Nesta segunda (1), Bolsonaro recebe o título de cidadão honorário na cidade de Anguillara Veneta, na Itália. O evento foi marcado por protestos e repressão policial.

Saiba mais: Tudo que você precisa saber sobre a COP26, que começou neste domingo

Leia mais: Retórica de Bolsonaro contra imprensa descamba para violência física em Roma

A primeira semana de novembro começa também marcada pelas associações de caminhoneiros que anunciaram possível greve e solicitaram a revisão da política de reajustes dos preços dos combustíveis, o que pode gerar bloqueio de rodovias. A respeito do tema dos combustíveis, entrou em vigor nesta segunda-feira (1) o congelamento do ICMS do preço desses produtos até o dia 31 de janeiro de 2022, em uma tentativa de conter a escalada de preços.

Na quarta-feira (3), o plenário da Câmara dos Deputados pode tentar mais uma vez votar a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) dos precatórios. A aprovação da PEC é a principal aposta da equipe econômica do governo para viabilizar o pagamento do Auxílio Brasil, programa social anunciado por Bolsonaro para substituir o Bolsa Família.

Já no Senado, na quarta-feira (3), os senadores devem votar o Projeto de Lei (PL) 6539/19, que trata da Política Nacional sobre Mudança do Clima.

Veja a agenda da semana:

Conteúdo: Ética Inteligência Política

Gabriel Barreto e Beatriz Falcão

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: