fbpx

Responsável pela investigação contra Pedro Guimarães é encontrado morto

Responsável pela investigação contra Pedro Guimarães é encontrado morto
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O diretor de Controles Internos e Integridade (DECOI) da Caixa Econômica Federal, Sérgio Ricardo Faustino Batista, foi encontrado morto na noite desta terça-feira (19), na sede do banco que fica na região central de Brasília. 

Batista era encarregado pelo DECOI, que é o setor que recebe e acompanha todas as denúncias feitas pelo canal de atendimento interno do banco. E investiga o caso de assédio sexual contra o ex-presidente da instituição, Pedro Guimarães.

O diretor trabalhava no banco desde 1989 e assumiu o setor de controles internos no ano passado, após passar por um processo seletivo. Batista também já foi assessor direto do ex-presidente do banco Pedro Guimarães.

A morte dele está sendo investigada pela Polícia Civil do DF mas o caso está sendo tratado inicialmente como suicídio. O corpo do diretor foi encontrado por um vigilante na área externa do prédio.

Denúncia de assédio

Em maio deste ano, funcionárias da Caixa denunciaram Pedro Guimarães para o DECOI, que era comandada por Batista. De acordo com as mulheres, Guimarães as assediava em compromissos de trabalhos, fazia convite como ida à saunas, banhos e piscina e até sexo. Em junho, após a repercussão, Guimarães pediu demissão da presidência da instituição.

Segundo informações, o celular de Batista está em posse da polícia para que seja investigado se o ex-presidente falou sobre o assunto com o diretor de Controle Interno e Integridade da Caixa. O Ministério Público Federal investiga o caso.

Rafaela Moreira

Jornalista, repórter do Regra dos Terços e diretora de programas de televisão na TV Band e na Rede Super.

Deixe uma resposta

La Brea da vida real Macabras pedras da fome surgem na Europa 3 músicos independentes que você precisa conhecer O que você não sabe sobre povos indígenas ​9 curiosidades sobre seu gato
%d blogueiros gostam disto: