Wilson Simoninha faz apresentação única e gratuita em Curitiba

O projeto musical “Conexão Shopping Curitiba” apresenta, no dia 28 de março, o cantor Wilson Simoninha. Ele já esteve no palco do shopping em 2013 e volta à capital paranaense para contar as novidades sobre a carreira e relembrar antigos sucessos. Continue reading “Wilson Simoninha faz apresentação única e gratuita em Curitiba”

O sentir de Serginho Freitas

14344207_335469736803426_5042033827888639454_nUm peito inquieto. Um turbilhão de sentimentos que atordoam o seu condutor. A canção faz-se meio de transição, válvula de escape para tamanho sentir. Os sentimentos saem nos acordes e versos de Serginho Freitas, e se aconchegam no coração dos ouvintes igualmente incapazes de dar fim a toda a sua confusão sentimental. Quem muito sente, muito vive, mas também muito sofre. É o que diz aquele livro religioso né?

Serginho nasceu em Teresópolis, interior do Rio de Janeiro. Já tocou em uma banda de Pop/Rock, a Ponto de Ebulição o levou a ter algumas experiências no ramo da música. Mas desde o início desse ano, o coração desse carioca aventureiro tem o guiado a seguir carreira solo. O jovem músico coloca nas suas canções tudo aquilo que faz pulsar o seu peito, e aquilo que ainda nem se quer viveu também. Com suas mensagens sinceras, Serginho Freitas encanta pela letra, pela qualidade, pelo som.

O cantor está lançando seu primeiro álbum solo, intitulado “LEMBRETES”, composto por cinco músicas. Serginho confessa que nem tudo o que ele canta, é o que de fato ele vive, mas o nome do EP surgiu exatamente para o lembrar, nos momentos de um sentir em demasia, quais caminhos deve seguir. Com vocês, Serginho Freitas.


Não deixe de acompanhar o cantor na sua página do Facebook. Quer ver seu trabalho divulgado aqui? Encaminhe um e-mail para regradostercos@gmail.com.

Humberto Gessinger diz que é um tenista e um goleiro frustrado

Muito aclamado em todo o território nacional, não há dúvidas de que o nome dele é um dos maiores nomes da música brasileira. Humberto Gessinger hoje no auge dos seus 52 anos fala sobre o início da sua carreira, a sua relação com a arte, e ainda revela que mesmo depois de toda a estrada continua sendo o mesmo cara de quanto tinha 12 anos, “um tenista e um goleiro frustrado”. Confira a entrevista completa: